Metalúrgicos protestam em Anápolis contra cortes em incentivos fiscais

Os metalúrgicos paralisaram o pólo industrial de Anápolis na manhã desta quinta-feira, 6, contra os cortes em incentivos fiscais anunciados pelo governador eleito Ronaldo Caiado (DEM). O trabalhadores temem a saída das empresas do Estado e o consequente desemprego em massa.

Em postagem no Facebook, o presidente do Sindicato dos Metalúrgicos Reginaldo Faria argumenta que se o incentivo for diminuído Goiás “vai voltar a ser um lugar deserto de empresas e milhões de postos de trabalho vão deixar de existir”. Reginaldo apela para que Caiado mude de postura, diante da quantidade de votos que recebeu em Anápolis.

Além de trabalhadores, empresários se unem ao movimento contra a medida que atinge toda a classe no Estado. O protesto ocorreu em frente ao Distrito Agroindustrial de Anápolis (DAIA). A CAOA é a principal empresa envolvida no movimento. Atuante no setor automotivo, que será um dos mais atingidos pelos cortes, a empresa gera 80 mil postos de trabalho entre empregos diretos e indiretos. Com a manifestação, a via principal do DAIA ficou interditada.

Fonte e Matéria do Jornal Opção


Um comentário em “Metalúrgicos protestam em Anápolis contra cortes em incentivos fiscais

  • 7 de dezembro de 2018 em 00:44
    Permalink

    Gostei muito do seu post, vou acompanhar o seu blog/site.
    Este tipo de conteúdo tem me ajudado muito no desenvolvimento pessoal.
    Obrigado
    Manuela Silva

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *