Escritores anapolinos movimentam a cidad

Oi, gente, mas oi mesmo! Tudo bem? Aconteceu entre os dia 20 e 22 de setembro, a 3ª edição da Feira Literária Anapolina (Flana). A Feira foi na Estação Ferroviária Prefeito José Fernandes Valente, no Setor Central.

O evento foi organizado pela União Literária Anapolina – ULA. A programação contou com lançamentos, exposições e vendas de livros, saraus, palestras, oficinas, presença de escritores, apresentações musicais e artísticas, além de rodas de leitura.

A feira teve palestras com os escritores: Carlos William e Edival Lourenço e a historiadora Luciana Miranda. Além da narração de estórias para crianças das escolas do município.

O que é a ULA?

A ULA é a união de escritores que juntos fortalecem a categoria. Seus membros participam de reuniões, confraternizações, lançamentos de livros. E têm seus trabalhos literários divulgados no “Jornal da ULA” e associam-se a projetos e coletâneas.

A organização foi fundada em 24 de junho de 2000 pelos escritores Laurentina Murici Montalvão (Loló) e Paulo Nunes Batista. A entidade não possui finalidade lucrativa e todos os colaboradores exercem suas funções voluntariamente com o objetivo de promover e difundir a literatura anapolina.

Aproximadamente, duzentos membros participam da ULA. Eles reúnem-se no CELA (Centro de Eventos Laurentina de Medeiros – Dona Loló), que fica na Rua Ernesta de Pina, L 6 e 6 – Quadra 1, Bairro Maracanãzinho.

História de quem participa da ULA

professora Ana Maria

Essa é a Ana Maria, professora e escritora que faz parte da ULA

A professora Ana Maria de Freitas Rocha é uma das integrantes da associação. Ela tem  10 livros (4 infantis, 5 de poemas e 1 de crônicas) publicados. Ana Maria é formada em Letras e tem dois cursos de pós-graduação. Trabalha no Estado como professora de língua portuguesa há vinte quatro anos e meio.

Ana foi parar na ULA porque seu esposo havia entrado e indicou o seu nome. Ela integrou-se ao grupo e tem participado ativamente dos eventos da entidade.

“A ULA, para mim, é uma organização a qual, nós escritores anapolinos, nos reunimos para mostrarmos nossos trabalhos literários, e sermos instruídos quanto à publicação dos mesmos. Temos como objetivo promover a cultura de Anápolis, tornando conhecidos os escritores da cidade”, disse.

Mercado de livros

A docente e escritora Ana Maria disse que a Feira realizada na cidade foi excelente para promover a cultura, entretanto, à venda de livros foi baixar Quem é do meio sabe que publicar um livro não é tarefa fácil. Muitos livros morrem antes mesmo de nascerem. Porque escrever não é algo simples e publicar é um trabalho árduo.

Por isso, uma instituição como a ULA é extremamente importante, porque fomentam o mercado literário e ajuda os escritores à divulgar suas obras.

E você já conhecia a ULA, tem contato com algum escritor ou até mesmo escreve livros? Deixe sua opinião abaixo no comentários, adoraria saber.

Obrigada por acompanhar o blog. Leia outros posts.

Um beijo e até o próximo post.

Facebook da ULA: ULA

Veja esse outro post: Uma aluna nota 10 e A deficiência auditiva na sala de aula

Me siga nas redes sociais:

Facebook: Danielly Chaves

Twitter: @danielly_chaves

Instagram: @daniellychaves


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *