Centro de Iniciação Esportiva será referência regional

A construção do Centro de Iniciação Esportiva (CEI), na Vila Esperança, é um projeto que vai contemplar a prática de modalidades paradesportivas, como basquete em cadeira de rodas, voleibol sentado, goalball, badminton, bocha, além de lutas e atletismo paralímpico. A ideia é garantir, inicialmente, 1.500 atendimentos por semana, já que esportes convencionais, como voleibol, basquete, futsal, handball e atletismo também serão ofertados para a comunidade carente da região.

O secretário municipal de Esportes, Karim Abrahão, explica que o modelo de gestão ainda está em estudo, mas adianta que parcerias com entidades mantenedoras e com os governos Federal e Estadual serão buscadas. “Temos apoio integral do prefeito Roberto Naves para o desenvolvimento desse projeto que irá proporcionar a implantação do primeiro centro de referência paradesportiva em Goiás”, disse o secretário, informando que a obra movimenta R$ 4,5 milhões, de parceria celebrada pela Prefeitura com a União.

Entre atletas e dirigentes de entidades, a expectativa pela inauguração do CEI é muito grande. É o caso do coordenador técnico da Associação dos Deficientes de Anápolis (ADA), Mauro Rodrigues da Silva, 48, que milita no basquete em cadeira de rodas há, pelo menos, 20 anos. “Estamos ansiosos, principalmente pelo fato de que poderemos inaugurar um novo momento para a modalidade, quando tivermos local próprio para os treinamentos”, comentou.

De acordo com o treinador, uma estrutura voltada às atividades paradesportivas pode trazer mais visibilidade e oportunidades para a realização de parcerias e captação de patrocínios, visando a revelação de atletas de alto rendimento. “Temos atletas como o Renan, que serve à Seleção Brasileira sub–20. Tenho certeza que poderemos fazer melhor, com incentivo e investimentos”, avaliou.

Estrutura
No local, já foi concluída a construção de oito banheiros, sendo dois acessíveis e outros dois em vestiários. Um elevador para portadores de necessidades especiais já está sendo montado, para facilitar o acesso ao mezanino, onde irá funcionar uma academia para a comunidade e um tatame de lutas.

A próxima etapa é a implantação da cobertura metálica da quadra poliesportiva, o que deve ser realizado ainda este ano. A obra também contempla a construção de uma moderna pista de atletismo, pista de salto e área para arremesso.

Faz parte do projeto a construção de uma arquibancada para 144 lugares, estacionamento, área administrativa, copa, depósito, sala de professores e sala de primeiros socorros. Ao final, serão mais de 4 mil m² de área construída a serem entregues no início do próximo ano.

Fontee Matéria da Prefeitura de Anápolis

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *