Angolana morre após o parto em hospital de Anápolis

Uma angolana de 31 anos morreu poucas horas após dar à luz ao filho, na Santa Casa de Misericórdia de Anápolis. De acordo com a unidade de saúde, Snuka Isabel Destino Justino sofreu complicações no parto, foi submetida a procedimento cirúrgico, chegou a ser levada para uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI), mas morreu.

À TV Anhanguera, o hospital informou que o bebê está bem, sem qualquer tipo de complicação, e que a Santa Casa de Misericórdia está prestando assistência à família de Isabel.

O marido de Snuka Isabel, o pastor angolano Simão João Justino, agora pede ajuda para poder levar o corpo da mulher para Angola e, junto com os quatro filhos, fazer o sepultamento. O recém-nascido foi registrado como o nome de “Sukazafi”, que significa “o último” na língua kicongo.

“Após o parto, ela teve hemorragia, sangramento. Os médicos procuraram estancar esta situação, porém ela não resistiu, veio a óbito. [O bebê] é fruto do nosso amor. Então, meu desejo é cuidá-lo, que ele venha a crescer, a ser homem e conheça esta história da nossa vida tão bela”, disse.

De acordo com Simão, ela deu entrada em trabalho de parto na maternidade do hospital na madrugada de sábado (3), e morreu poucas horas depois, em virtude da complicação. O corpo da mulher foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) da cidade, onde deve ficar até que o traslado para Angola seja providenciado.

O pastor conta que ele e Isabel se mudaram para o Brasil há seis anos, junto com três filhos, duas meninas – uma de 9 anos e outra de 7 – e um menino de três anos. Ele é pastor e estuda pedagogia em Anápolis. Agora, ele está preocupado em dar uma despedida bonita à mulher, levando o corpo à terra natal da família.

Simão conta que o dinheiro que ele busca arrecadar será usado para comprar as passagens aéreas dele e dos filhos, além do traslado do corpo. Ele afirma que não sabe se, após o enterro, vai conseguir voltar ao Brasil.

quem puder ajudar, as contas são:

Banco do Brasil, agência 2194-6, conta poupança 20.196-0, variação 51, em nome de Simão João Justino,

Banco Bradesco, agência 0604, conta poupança 100061-0, CPF 021.780.636-83, em nome de Snuka Isabel Justino

Isabel e Simão tiveram, além do bebê que nasceu neste fim de semana, três filhos — Foto: Reprodução/TV

Angolana morre após o parto em hospital de Anápolis
Angolana morre após o parto em hospital de Anápolis

Fonte e Matéria: G1 Goiás


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *